Postagens em destaque

segunda-feira, 30 de novembro de 2009

Ouvindo o que se quer


“Porque virá tempo em que não suportarão a sã doutrina; mas, tendo grande desejo de ouvir coisas agradáveis, ajuntarão para si mestres segundo os seus próprios desejos”
(II Timóteo 4:3)
E assim estamos caminhando, a verdade se tornou dura de mais, a biblia se tornou "cruel" para muitos, os ensinamentos de Cristo estão fora de "moda".
Então pra que levar a bíblia tão a serio, é melhor procurar-mos quem pensa como nos, vamos criar uma religião do oba oba, onde a igreja seja o nosso centro de encontro um lugar pra praticar boas ações, um lugar pra me dar um crachá de bom moço, onde eu possa aliviar minha conciência e dormir sossegado depois de ler alguns fragmentos da "antiga Bíblia" que ainda podem ser lidos, pois ainda são aceitáveis.
Agora a gente forma pastores pela Internet, temos também cursos de teologia " rapidão", E PRONTO, depois você pode sair por aí e abrir sua própria igreja, e se você rasgar algumas paginas do "antigo livro Sagrado" sua igreja será um sucesso, mas lembre-se: Você não poderá falar das coisas que Deus abomina, se não já sabe - as pessoas se assustam e não voltam mais.
"Yeshua nunca esteve focado no crescimento, pelo contrário, Ele tinha compromisso com a verdade.
Ele chegou em um momento em seu ministério que qualquer pastor diria que era o fim, quando após a sua mensagem, todos os que o ouviam viraram as costas para por causa da dureza de seu discurso, ficando apenas Ele e seus discípulos. Talvez se fosse um de nós, voltaria atrás deles e tentasse amenizar seu discurso com o fim de tentar “edificar” a multidão, mas Yeshua, em momento algum voltou atrás. Pelo contrário, chegou para os seus discípulos e disse que se quisessem, poderiam voltar junto com a multidão. Mas seus discípulos não quiseram por discernirem que embora o Seu discurso fosse duro, somente Ele tinha as Palavras de Vida Eterna.
" Trecho retirado do texto do pastor Valdemir Sarmento
Talvez se Jesus fosse pregar em alguma igreja, ele não seria aceito em muitos pulpitos pois sua verdade assusta, incomoda, e o ser humano não gosta de ser confrontado com seus pecados.
Ele não teria um programa de TV pois talvez não ia ter audiência, e ninguém iria patrocinar um homem que anda com pescadores, e diz que temos que pagar todos os nossos impostos, com certeza ninguém iria querer ouvir: quem não tem pecado atire a primeira pedra.
Fico aqui imaginando porque na época de Jesus ele queriam mata-lo, e acho que achei a resposta é porque ele incomodava, as pessoas procuravam um erro dele, mas ele não errava, procuravam indaga-lo com perguntas sem respostas, mas com toda sabedoria do céus ele sempre respondia, e aquilo não agradava ao homem, a solução era matar aquele que falava a verdade, silenciar aquele incomodo, pois o amor que ele demonstrava pelos perdidos também incomodava, e diziam: como pode Ele dizer ser filho de Deus e conversar com uma prostituta, como pode ele entrar na casa de um cobrador de impostos, entrar em cemiterios e encostar em um leproso?
pois naquela época estas pessoas eram imundas e desprezadas, mas ele dizia - eu vim para os enfermos e não para os sarados.
Hoje tem placa de igreja pra todo lado e isso deveria ser bom, "deveria mas não é", o povo se divide cada vez mais, as doutrinas ensinadas são de acordo com os desejos próprios, se você é gay, e quer ser "cristão" mas não quer deixar o pecado da sodomia e do homossexualismo fique tranquilo já inventaram uma igreja pra você! ATENÇÃO fique tranquilo por enquanto pois daqui a pouco a trombeta vai tocar e o seu nome Jesus vai chamar então eu não sei de que lado você vai ficar!
Jesus não mudou, A verdade não mudou, O céu não mudou de endereço e pra chegar lá o caminho continua sendo o mesmo, o mesmo que Paulo percorreu e foi morto por amor a Cristo, também João, Moisés, Enoque, Davi, Jó, Rute, Ester, Pedro ... e tantos outros, se alguem te apresentar um atalho, " algo mais confortável e aprasível, saia fora antes que você seja lançado fora do céu. Sua casa já esta preparado no céu e o diabo é um sem terra e saqueador ele quer roubar o que já é seu de direito, fique esperto e recuse a porta larga, é melhor chorar aqui e viver eternamente nos braços de Deus!
Eu prefiro apresentar a Deus uma pessoa que obedeça todos os seus mandamentos do que que ir de mãos dadas com uma multidão para o inferno! ( prefiro ser radical do que ser legalista).
Fique esperto, não se engane!
Laura Pinheiro, Inspirada pelo Espírito Santo de Deus.

Digg Google Bookmarks reddit Mixx StumbleUpon Technorati Yahoo! Buzz DesignFloat Delicious BlinkList Furl

6 comentários: on "Ouvindo o que se quer"

Tati Rodrigues disse...

'quem tem ouvidos para ouvir ouça'

que toque a trombeta do Senhor e se levantem os seus atalaias!!

Alessandra disse...

Ah minha irmã querida!Li seu comentário sorrindo,não só com os lábios,mas com o coração também!Amém a cada palavra sua!Também te amo muito e é muito bom poder ter amigos que são como bálsamo nas feridas!Faz tempo que eu não tinha amigos assim tão ''perto''.
Quanto ao seu post,estou 100 por cento em concordancia,é melhor ser radical do que legalista,Satanás gosta muito de crentes legalistas,que querem ser ''legais'' com todos...vigiemos mais e mais.Um beijo do tamanho do mundo.Já abriu a loja?Dezembro heim?É hora de vender.Deus te faça vender muitoooo.

Gilberto Queiroz disse...

Ola amiga, Parabéns pelas suas postagens e muito obrigado pelas sábias palavras deixadas em meu blog.
Só pra lembrar voce, eu já postei o artigo da Campanha Jota Campeão, conto com voce em mais este desafio de solidariedade.
Um forte abraço e muita PAZ em sua vida.
Gilberto Queiroz

Cíntia Mara disse...

Muito bom o post, Laura!

Outro dia eu estava discutindo com o meu cunhado sobre isso. As pessoas que falam a verdade não são aceitas. São tidas como encrenqueiras, duras, frias. Já sofri muuuuito com isso. Mas é preciso aprender a "falar a verdade em amor", como diz em Efésios 4:15. É assim que a verdade liberta o mundo.

Bjos

Fabiano disse...

Infelizmente é bem por ai. Nós estamos no tempo onde muitos querem tudo em pouco tempo. Disque gás, disque pizza, compra pela net... tudo nas mãos em tempo hábil. E parece que com Deus está ficando igual vamos à igreja ganhar, conquistar, prosperar, tomar, receber. Tudo sem fácil, sem renúncia, sem cruz, sem conversão, sem entrega, e se ouvimos, palavras duras, de exortação ou admoestação, discordamos e fechamos os ouvidos para a verdade do evangelho "buscar o Reino dos céus", porque as outras coisas (e coisa é algo tão insgnificante que não tem definição própria) nos serão acrescentadas. Deus nos prometeu o melhor dessa terra, porém o melhor é o de Deus não o nosso. Cada um tem estrutura para receber uma medida e é assim que temos que viver, debaixo das asas do nosso Senhor.

Postar um comentário

obrigada por visitar e comentar, Deus te abençõe!